Natural de Porto Alegre, a soprano Cynthia Barcelos participou de seu primeiro festival internacional de música nativista, como intérprete solista vocal, aos 10 anos, sendo agraciada com vários prêmios desde então. Aos 15 anos iniciou seus estudos no Conservatório Pablo Komlós com o professor Decápolis de Andrade. É Bacharel em Música com habilitação em canto pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul sob orientação da professora Luciana Kiefer. Em 2006 foi solista da Orquestra jovem da OSPA, sob regência do Maestro Túlio Belardi em uma turnê pelo estado, cantando também no Festival de Cinema de Gramado. Desde 2008, compõe o “Duo Cantilena”, com o violonista clássico Thiago Kreutz. Em 2008 atuou como solista da obra “Fantasia Coral” de Beethoven, sob a regência do Maestro Isaac Karabtchevsky. Em 2012, participou das duas temporadas da montagem da ópera “Dido & Enéias” de H.Purcell, realizada pela UFRGS, interpretando a protagonista Dido. Ópera esta que ganhou os prêmios Destaque UNITV e Açorianos de música de 2012 como Melhor Espetáculo, além de ter sido lançada em DVD. Em 2014, em comemoração aos 80 anos da UFRGS interpretou a mesma personagem no Theatro São Pedro de Porto Alegre. Participou do primeiro DVD de música contemporânea do Rio Grande do Sul, a obra Súbita Conexão do compositor Marcelo Nadruz. Em 2014, foi agraciada com o prêmio de Júri Popular e Menção Honrosa no 14º Concurso de Canto Aldo Baldin. Em 2015 foi solista da obra Le Roi David de Arhur Honegger com a OSPA, sob a regência de Manfredo Schmidt. No ano de 2018, foi selecionada para participar do Programa Prelúdio da Tv Cultura de São Paulo. Atualmente trabalha preparação vocal e de repertório com o barítono Carlos Rodriguez. É professora de canto da Fundação Municipal de Arte de Montenegro.

Cynthia é membro estável de nossa Companhia Lírica e se destaca como uma soprano de voz, forte e brilhante, com impressionante controle das dinâmicas.